Vale do Pinhão, o Vale do Silício brasileiro.

Vale do Silício (Silicon Valley) é o apelidado dado a uma região dos Estados Unidos localizada na Califórnia, a região da Baía de São Francisco. Tal região destaca-se por concentrar as sedes de grandes empresas, especialmente as do ramo tecnológico, e por sua cultura voltada à inovação e ao empreendedorismo. Facebook, Uber e Google, por exemplo, nasceram no Vale do Silício.

Vale do Pinhão em Curitiba

Inspirado nisso, a cidade de Curitiba, berço de várias empresas e startups de destaque no âmbito nacional, busca o título de “Vale do Silício brasileiro”. No ano passado, Curitiba já conquistou o nome de “cidade mais inteligente e conectada do país” de acordo com ranking Connected Smart Cities 2018 e é a sede brasileira do Smart City Expo, o maior evento de cidades inteligentes do mundo.

Uma das iniciativas tomadas para impulsionar essa conquista é o projeto do Vale do Pinhão, nome dado ao Ecossistema de Inovação de Curitiba, criado em 2017 pela Prefeitura de Curitiba através da Agência Curitiba de Desenvolvimento S/A que busca fomentar o desenvolvimento tecnológico e econômico com base na inovação e sustentabilidade e é organizado por meio de seis pilares, que são: Educação e Empreendedorismo, Tecnologia, Reurbanização e Desenvolvimento, Integração e Articulação e Fomento Fiscal.

O ecossistema de inovação é composto por universidades, aceleradoras, incubadoras, fundos de investimentos, centros de pesquisa & desenvolvimento, startups, movimentos culturais, etc. Além da Prefeitura de Curitiba, algumas empresas que fomentam o ecossistema são o Serviços de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Paraná (SEBRAE-PR), a Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP), a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (FECOMERCIO-PR) e a Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação (ASSESPRO-PARANÁ).

Curitiba Tecnoparque

Uma das mudanças que veio com o Vale do Pinhão foi a criação de um novo Curitiba Tecnoparque. Trata-se de um programa que incentiva atividades ligadas à informática, pesquisa e desenvolvimento, ensaios e testes de qualidade, nanotecnologia, saúde, entre outros. 93 empresas fazem parte do projeto, sendo que 10 ingressaram em 2019.

As empresas localizadas no perímetro urbano de Curitiba e enquadradas no programa têm a redução da alíquota do ISS (Imposto Sobre Serviços) de 5% para 2%. Podem participar do programa empresas de base tecnológica com o foco em desenvolvimento, pesquisa e inovação.

Cadastre sua startup no Vale do Pinhão

As startups que se cadastrarem no Vale do Pinhão contam com uma série de benefícios, como auxílio na busca de financiamento para ideias, apresentação da startup em eventos, indicações em instituições de fomento à startups, prioridade na participação nos programas para startups dos parceiros, entre outros que podem ser conferidos no próprio site do Vale do Pinhão.