6 perguntas para fazer antes de contratar funcionários

Chegou a hora de aumentar ou renovar a equipe para as tarefas do inicio do ano. Você usa alguns sites de RH, pede indicação de amigos, faz postagem no Facebook da empresa, mas na hora da entrevista não sabe exatamente o que falar.

Fizemos uma lista com 6 perguntas que não podem faltar em uma entrevista e explicamos porque são tão importantes. Veja:

1 – Por que você acha que deve ser contratado?

Nesta pergunta, mesmo sem transparecer, você está buscando saber se o candidato pesquisou sobre a empresa e a vaga ofertada. Quem não fez esta pesquisa inicial básica, pode acabar ficando confuso e não sabendo ao certo o que responder. Fique atento.

 

2 – Fale sobre você

Embora seja uma pergunta extremamente básica, é reveladora. Aqui é importante analisar se o candidato falará sobre sua vida pessoal ou profissional, se ele sabe resumir suas habilidades e histórico acadêmico e profissional, e se está confortável em falar sobre.

 

3 – O que você mudaria em seu último emprego?

Esta pergunta é feita para avaliar se o futuro funcionário age de forma ética quando fala sobre seus antigos empregos, com capacidade de analisar e criticar pontos fortes e fracos. Saiba diferenciar fofoca de críticas construtivas neste momento.

 

4 – Como você reage quando não concorda com seu chefe/coordenador?

Aqui você consegue analisar a capacidade de negociação de quem está contratando. Consegue perceber se a pessoa sabe colocar seus argumentos, é diplomática e sensata.

 

5 – Com que tipo de pessoa você tem dificuldade de trabalhar?

Note se o candidato sabe ser educado ao argumentar em uma situação negativa. Você pode complementar perguntando quais as características que ele valoriza em equipes.

 

6 – O que você faz durante seu tempo livre?

Os hobbies e ocupações de uma pessoa são um reflexo de seu desenvolvimento pessoal e da facilidade que ela tem (ou não) de se relacionar em grupo.

 

Recrutar é um talento. Não é apenas levantar uma quantidade de pessoas e contratá-las, é preciso ter a sensibilidade para saber se ela realmente irá se encaixar na função de forma satisfatória para ambos os lados. Conhecendo esta dificuldade, fizemos um e-book para auxiliar o empreendedor. Clique aqui e baixe inteiramente grátis.